Domingo, 23 de Junho de 2024 08:46
88981351822
Segurança Pública Fortaleza

Quatro policiais são presos pelo assassinato de enfermeira no Ceará

Crime aconteceu no Bairro Pirambu, em Fortaleza, em 15 de maio.

07/06/2024 08h42
Por: Thales Menezes Fonte: G1/CE
Quatro policiais são presos pelo assassinato de enfermeira em Fortaleza — Foto: Arquivo pessoal
Quatro policiais são presos pelo assassinato de enfermeira em Fortaleza — Foto: Arquivo pessoal

Quatro policiais militares foram presos nesta quinta-feira (6) em Fortaleza por suspeita de participação no assassinato da enfermeira Jandra Mayandra, de 36 anos. Um dos policiais é aposentado, e os demais são agentes da ativa.

A enfermeira foi morta em 15 de maio com tiros de armas de fogo disparados por um motociclista. O crime aconteceu na Avenida Presidente Castelo Branco, no Bairro Pirambu. Jandra Mayandra voltava do trabalho quando teve o retrovisor atingido pelo motociclista.

Com isso, uma discussão aconteceu e depois o suspeito atirou. O bate-boca pode ter sido provocado para fazer parecer que o crime foi motivado por uma briga de trânsito. O carro da enfermeira ficou com, pelo menos, três marcas de tiro.

Continua após a publicidade

A prisão dos quatro policiais foi feita pela Controladoria Geral de Disciplina dos Órgãos de Segurança Pública e Sistema Penitenciário (CGD), por intermédio da Delegacia de Assuntos Internos (DAI), e a Polícia Civil do Ceará.

O g1 questionou a Secretaria de Segurança Pública do Ceará (SSPDS) sobre a motivação do crime e se a hipótese inicial da briga de trânsito havia sido descartada. A pasta informou que apenas a CGD iria se manifestar sobre o assunto.

A CGD, por sua vez, não deu mais detalhes sobre a motivação nem se a hipótese da briga de trânsito foi descartada. Em nota ao g1, o órgão respondeu que, além dos quatro presos, foram cumpridos mandados de busca e apreensão contra um quinto suspeito.

Continua após a publicidade

Segundo a CGD, a investigação atualmente está a cargo da Delegacia de Assuntos Internos, que investiga crimes praticados por agentes das forças de segurança.

O Hospital Dr. Oswaldo Cruz, onde Jandra Mayandra trabalhava como gerente administrativa, emitiu nota de pesar pela morte.

"O Hospital HDOC Fortaleza manifesta o mais profundo pesar pelo falecimento da nossa gerente administrativa Jandra Mayandra. Desejamos os mais sinceros sentimentos à família e amigos neste momento de luto".

Continua após a publicidade

O Conselho Regional de Enfermagem do Ceará também lamentou a morte da enfermeira.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias