Segunda, 15 de Julho de 2024 10:38
88981351822
Curiosidades Só na coquinha...

Paciente internado diz que não bebe água há 50 anos e cola aviso na porta: "Só Coca"

O homem colou um aviso na porta do quarto no hospital: "Não tomo remédio líquido! Por favor não insista. Não bebo água!! Só coca-zero"

04/03/2024 08h11 Atualizada há 4 meses
Por: Thales Menezes Fonte: CORREIO BRAZILIENSE
Paciente internado diz que não bebe água há 50 anos e cola aviso na porta:

Um caso curioso repercutiu nas redes sociais na última semana. Um aposentado, de 70 anos, que precisou ser internado após ser diagnosticado com covid-19, decidiu colar um aviso na porta do quarto do hospital com um aviso importante: ele não bebe água.

Roberto Pedreira só toma um líquido: o refrigerante Coca-Cola, e apenas a versão com zero açúcar. A história viralizou após o afilhado dele, João Victor Paixão, postar no Twitter o aviso colocado na porta do quarto onde o padrinho está internado. 

"Não tomo remédio líquido! Por favor não insista. Não bebo água!! Só coca-zero!", diz a mensagem.

Continua após a publicidade

Em entrevista, Roberto, que é natural da Bahia, confirmou a história e revelou que não toma água há pelo menos 50 anos. "Eu não bebo água há 50 anos. Eu não gosto de água, só Coca-Cola Zero. Todos os médicos que eu vou me recomendam água, mas eu bati de frente com o meu cardiologista e o meu endocrinologista. Até meus remédios, eu tomo com coca. Nada com água, nem uma gota", revelou.

O afilhado foi além e relembrou que o padrinho toma Coca-Cola até com sorverte. "Parece mentira, quem vê de fora não acredita", disse João.

Mesmo com a repercussão do caso, Roberto afirmou que não vai abandonar o hábito de beber o refigerante e nem vai trocar por água. "Não bebo de jeito nenhum".

Continua após a publicidade

O Hospital São Rafael, onde o aposentado estava internado, afirmou que não foram comunicados formalmente sobre Roberto não beber água e disseram que “provavelmente, o paciente fez isso de brincadeira”.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias